Policial civil é assassinado após sofrer emboscada na Pavuna, na Zona Norte do Rio


O policial civil Claudézio de Souza Gomes foi assassinado a tiros, na manhã desta sexta-feira, durante uma emboscada que sofreu na Rua Maria Joaquina, na Pavuna, Zona Norte do Rio. O crime ocorreu por volta das 7h30. De acordo com as primeiras informações, dois homens numa moto se aproximaram do carro do agente e abriram fogo.

Claudézio chegou a ser socorrido para o Hospital municipal Albert Schweitzer, em Realengo, na Zona Oeste, mas não resistiu. Policiais militares do 41º BPM (Irajá) estão no local do crime. A Delegacia de Homicídios (DH) da Capital foi acionada para fazer uma perícia no carro.

De acordo com a Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Propriedade Imaterial (DRCPIM), Claudézio era investigado por suspeita de ser o dono de uma carga de 500 mil cigarros contrabandeados, apreendida em um depósito também na Pavuna. A informação de agentes da DRCPIM é de que o agente seria preso depois da eleições.

Fonte: Extra Online

Comentários :