Forças de segurança estão preparadas para atuar a favor do governo, na greve dos caminhoneiros


O interventor federal na Segurança Pública do Rio, general Walter Braga Netto, expressou “confiança na capacidade de conciliação de interesses e na solução breve dos impasses para que a normalidade se instale no dia a dia da população fluminense”.

A declaração foi divulga por meio de nota, na noite deste sábado (26/5), pela assessoria de comunicação da Intervenção Federal. A nota informa ainda que ações da Intervenção Federal no Estado do Rio de Janeiro, neste momento, concentram-se na “garantia da segurança e na necessidade normalização do abastecimento de itens básicos para a população e do sistema de transporte público nos diversos modais”.

Em relação às escoltas, o texto destacou que elas vêm sendo realizadas pela Polícia Militar, com o objetivo de manter a capacidade de funcionamento de setores essenciais, atendendo às demandas que chegam ao Gabinete de Gestão de Crise, liderado pela Secretaria de Estado de Segurança (Seseg).

O gabinete de intervenção destacou que as forças de segurança estaduais e federais “estão preparadas e equipadas para garantir a lei e a ordem, quando necessário e oportuno, na forma do Decreto No. 9.382, de 25 de maio de 2018, na defesa dos direitos constitucionais e da prevalência do bem-estar social sobre os interesses pontuais de categorias”.

O decreto assinado pelo presidente Michel Temer autoriza o emprego das Forças Armadas para o desbloqueio de rodovias em manifestações de caminhoneiros.

Fonte: O Dia

Comentários :

Translate

Pesquise

Doe e Ajude com PayPal

Baixe o App de Notícias