Caminhoneiro mata menininha de 1 ano atropelada, deixa mãe ferida e foge sem prestar socorro, em Goiânia



Via G1

Um caminhão atropelou e matou uma bebê, Isabela Arruda Gomes, de 1 ano e 7 meses de idade, e deixou a mãe dela ferida, no momento em que elas atravessavam a rua, na segunda-feira, dia 18 de setembro, em Goiânia. Câmeras de segurança registraram o momento em que o veículo dá à ré e atinge as vítimas. De acordo com a Polícia Civil, o condutor fugiu do local sem prestar socorro. Perícia concluiu que caminhão estava sem freio.

Uma tia da criança, Maria Aparecida Arruda, que estava junto com a sobrinha e a irmã na hora do acidente, contou que ela ainda alertou a mulher quando o caminhão começou a manobrar, e que a mãe do bebê tentou puxar o carrinho em que a criança estava, que acabou tombando e o caminhão passou por cima.

O acidente ocorreu na noite de segunda-feira, na Avenida Contorno, no Setor São Judas Tadeu, região norte de Goiânia. As imagens mostram o veículo seguir pela via e, depois de alguns metros, voltar de marcha à ré. Durante a manobra, a família que atravessava a rua tenta correr, mas uma mulher e a filha dela são atingidas.

O caminhão, o corpo da bebê ao longe e o carrinho

O motorista ainda estaciona o veículo próximo ao canteiro central e, um minuto depois, abandona o local e sai correndo pela rua, sem prestar socorro. De acordo com a Polícia Civil, a mãe do bebê teve escoriações e foi socorrida pelos vizinhos. Já a criança morreu na hora.
Segundo a corporação, o caminhão estava carregado com terra, e a perícia já constatou que o veículo perdeu o freio. Conforme a polícia, o motorista vai ser chamado para prestar depoimento para explicar porque não ficou no local do acidente e não prestou socorro.


O caso é investigado pela Delegacia de Investigações de Crimes de Trânsito (Dict).

Fonte

Comentários :

Translate

Pesquise

Doe e Ajude com PayPal